terça-feira, 5 de novembro de 2013

Brasil, o país do povo "pacífico": 50 MIL homicídios + 50 MIL estupros


Estupros e homicídios crescem mesmo com mais gasto em segurança

Gastos com segurança no Brasil atingiram a marca de R$ 61,1 bilhões no ano de 2012. Ainda assim, crimes como homicídio e estupros cresceram no País. População carcerária também cresceu

Os gastos com segurança pública no Brasil atingiram R$ 61,1 bilhões em 2012, um aumento de 15,83% na comparação com 2011. Mesmo com o aumento no investimento, o número de homicídios no País cresceu 8,69% e atingiu a marca de 47.136 pessoas assassinadas no ano passado. O número de estupros também cresceu, chegou a 50.617. Os dados são da 7ª edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública que será divulgado hoje.

O relatório aponta também os estados com maior número de homicídios dolosos. Alagoas lidera com 58,2 mortes para cada 100 mil habitantes. Na outra ponta da tabela, os melhores resultados vêm de Amapá (9,9), Santa Catarina (11,3), São Paulo (11,5), Roraima (13,2), Mato Grosso do Sul (14,9), Piauí (15,2) e Rio Grande do Sul (18,4). 

São Paulo é quem mais investe: R$ 14,37 bilhões em 2012. O Estado vem à frente inclusive da União, que investiu R$ 7,88 bilhões.

A população carcerária cresceu 9,39%. Em 2011, havia 471,25 mil presos no País, número que saltou para 515,5 mil em 2012. Já as vagas nos presídios cresceram menos – eram 295,43 mil em 2011 e passaram a 303,7 mil no ano passado,aumento de 2,82%.

Em média, o Brasil tem 1,7 detento por vaga. Boa parte desses presos (38%) são provisórios, com casos ainda não julgados. Em sete estados, mais de 50% da população carcerária ainda aguardam julgamento: Mato Grosso (53,6%), Maranhão (55,1%), Minas Gerais (58,1%), Sergipe (62,5%), Pernambuco (62,6%), Amazonas (62,7%) e Piauí (65,7%). (da Agência Estado e Agência Brasil) 

Números
8,69% foi o percentual de aumento do número de homicídios em 2012 na comparação com 2011
50.617 estupros foram cometidos em território brasileiro ao longo do ano de 2012
515,5 mil pessoas compõem a população carcerária do Brasil, 9,39% a mais que em 2011

Fonte: O Povo


+


Os dados vergonhosos da violência: homicídios voltam a superar marca dos 50 mil; SP segue com a mais baixa taxa (confiável) de mortes; violência na Bahia, maior estado governado pelo PT, continua alarmante

Nenhum comentário: