domingo, 18 de novembro de 2012

Um CEO de batina


O inglês Justin Welby, ex-executivo da indústria do petróleo, é o novo líder da Igreja Anglicana e terá de usar sua experiência corporativa para lidar com questões polêmicas que ameaçam dividir os fiéis. 

Por Rafael Freire | IstoÉ Dinheiro

No final da década de 1980, o londrino Justin Welby despontava como um talentoso executivo da indústria petrolífera. Aos 30 anos de idade, ele já era diretor de finanças da britânica Enterprise Oil PLC e acumulava uma experiência de cinco anos como gerente de petroquímicos da francesa Elf Aquitaine. Graduado em história e direito pela tradicional universidade de Cambridge, Welby era visto por seus pares como um garoto prodígio. Em 1987, no entanto, deu um novo rumo para sua vida. Atendendo ao que classificou como “chamado divino’’, abandonou a carreira corporativa para se dedicar integralmente à Igreja Anglicana. 

 Ascenção: apenas um ano após ser nomeado bispo, Welby chegou ao topo da Igreja Anglicana
   
A jornada religiosa foi tão meteórica quanto a que traçou no mercado petroleiro. Com um mandato de apenas um ano como bispo de Durham (quarto maior cargo da Igreja da Inglaterra), Welby foi nomeado, em 9 de novembro, arcebispo da Cantuária a maior posição da Igreja,equivalente ao papa no catolicismo. Aos 56 anos, casado e pai de cinco filhos, ele sucederá Rowan Williams, de 62 anos, que se aposentará no fim de dezembro após dez anos de liderança. A experiência como executivo é apontada como um dos fatores predominantes para a escolha de Welby para liderar 77 milhões de fiéis em mais de 160 países. Afinal, a Igreja atravessa um momento no qual se vê dividida por questões polêmicas como o papel das mulheres na Igreja e o reconhecimento do casamento gay. 
  
“Sei que preciso ouvir atentamente a comunidade LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transexuais) e examinar meu próprio pensamento de forma cuidadosa’’, afirmou Welby, em discurso logo após o anúncio de sua promoção. Welby se diz contra o casamento gay, mas defende a ordenação de mulheres para o episcopado. “Estamos em uma fase crucial, com risco até de rupturas dolorosas’’, diz Roger Bird, bispo da Diocese Anglicana de São Paulo. “Welby é um excelente negociador e isso tem um peso enorme nas atuais circunstâncias.’’ Exímio conciliador, ainda como bispo de Durham, ele mediou conflitos entre cristãos e muçulmanos na Nigéria. Ele também é um dos integrantes da Comissão Parlamentar do Reino Unido, instaurada para investigar práticas bancárias.



Nenhum comentário: