quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Você aceitaria um Partido que, no poder, matou mais do que os Nazistas?


No post de ontem, perguntei se, em nome da liberdade, você aceitaria a existência de um Partido Nazista? Um amigo no Facebook contra-atacou perguntando por que não aceitá-lo já que se aceita impunemente, até hoje, a existência do Partido Socialista e do Partido Comunista? Ambos, você sabe, mataram muito mais gente do que os Nazistas, e os regimes que defendem se mantiveram muito mais tempo no poder, alguns permanecendo até hoje.

A pergunta é: em nome da liberdade, aceitar a existência do Partido Socialista e do Partido Comunista exige, necessariamente, aceitar a existência de um Partido Nazista?


por Bruno Garschagen

Nenhum comentário: