sexta-feira, 29 de julho de 2011

Túmulo de São Filipe estaria na Turquia

Uma equipe de arqueólogos dirigida pelo italiano Francesco d’Andria teria encontrado na cidade turca de Pamukkale, antiga Hierápolis, o túmulo de São Filipe, um dos doze apóstolos de Jesus.

“Tentamos encontrar há anos o túmulo de São Filipe. Finalmente a encontramos entre os escombros de uma igreja que escavamos há cerca de um mês” - explicou o arqueólogo, acrescentando que a tumba ainda não foi aberta.

O pesquisador (professor de arqueologia e história da arte grega e romana na Universidade de Salento) afirma que um dia a tumba será aberta, mas que essa descoberta já é de grande importância para a arqueologia e também para o mundo cristão. Ele acredita que a estrutura e as escrituras na pedra provam que aquela seja efetivamente a sepultura de São Filipe (século I).

Filipe nasceu na Galileia, atual Israel, e foi um dos doze discípulos de Jesus. Ele teria viajado para evangelizar nas regiões da Ásia Menor, mas segundo historiadores, foi lapidado e depois crucificado pelos romanos em Hierápolis, na Frigia.

Hoje a região é conhecida como Pamukkale, um local turístico conhecido por suas águas termais, suas rochas sedimentares e sua pedra calcária branca, de onde vem o nome da cidade, que significa em turco “castelo de algodão”.
Em declarações ao jornal do Vaticano, 'L'Osservatore Romano', Francesco d'Andria indica que “esta igreja foi construída em volta de uma sepultura romana do século I que, evidentemente, era tida em grande consideração, pois sucessivamente, lá foi edificada uma basílica”.

Hierápolis é hoje considerada Patrimônio Mundial da Unesco e conhecida também por “cidade sagrada”.

As relíquias de São Filipe estão guardadas numa igreja de Roma juntamente com as de São Tiago Menor; a festa litúrgica dos dois apóstolos é celebrada anualmente em 3 de maio.

Fonte: Rádio Vaticano

Nenhum comentário: