domingo, 15 de maio de 2011

Saiba qual era o emprego dos ditadores antes de subirem ao poder

Professor, médico e até jogador de beisebol, descubra quais eram as profissões de Hitler, Mussolini e Fidel

por Redação Galileu

Pol Pot, governante do Camboja
Vindo de uma família rica, Salto SAR, antes de mudar de nome e tronar-se o responsável pelo genocídio cambojano, estudou carpintaria e engenharia. Tornou-se professor e, de 1954 a 1963, deu aulas em uma escola particular de Fino PT, capital do Camboja. Por causa de suas ligações com o comunismo, foi forçado a largar o trabalho. Depois disso, trocou seu nome para um nome camponês comum e dedicou-se com exclusividade ao Partido Comunista até se tornar seu dirigente.

Em 1975, conseguiu derrubar o governo com seu exercito guerrilheiro. Em quatro anos de governo, Pol Pot assassinou mais de uma milhão de cambojanos, a maiorias deles, intelectuais, outros profissionais e comerciantes. Em 1979, quando o Vietnã invadiu o país, o ditador fugiu para a selva e continuou a comandar ataques guerrilheiros até ser preso em 1997.


Adolf Hitler
Quando criança, Hitler frequentou uma escola religiosa e tinha o objetivo de ser padre. Depois interessou-se pelas artes. Aos 19 anos, quando sua mãe morre, ele decide tentar ser artista profissional em Viena, mas foi rejeitado duas vezes pela Academia de Artes. Passa a ter uma vida miserável e solitária, morando em albergues e pensões. Se não fosse a Primeira Guerra Mundial, poderíamos nunca ter conhecido Hitler. Na pobreza, ele decide de voluntariar para servir o exército alemão e toma gosto pela guerra. Tanto que, alguns anos depois, inicia a Segunda Guerra Mundial.

Benito Mussolini
Muitos ditadores foram escritores, mas Mussolini, antes de se tornar um ditador, foi escritor profissional. Sendo expulso da escola por esfaquear um colega, ele acabou conseguindo se formar e tornar-se professor, por pouco tempo. Depois trabalhou em um jornal socialista onde publicava sua série literária que acabou sendo transformada em livro em 1908. O romance “A amante do cardeal”, é considerado piegas pelos críticos literários. O Ducce continuou escrevendo em jornais de cunho socialista até fundar sua organização fascista em1919.


Papa Doc
François “Papa Doc” Duvalie, antes de governar o Haiti com mãos de ferro e aterrorizar seus cidadãos, foi médico por dez anos em Porto Príncipe, capital do país. Ele foi eleito legitimamente pelo povo como presidente em 1953 e depois disso não tolerou nenhum tipo de oposição ao seu governo. Inclusive usava o Vudu como forma de dominação, chegou a dizer que lançou um feitiço em John Kennedy, que culminou no assassinato do presidente americano.

Fidel Castro
Uma das profissões mais inusitadas é a do ex-ditador cubano: jogador de beisebol. Analisando melhor seu porte físico, ele até parecia levar jeito para os esportes. No entanto, a parte mais inusitada é que Fidel tentou uma vaga em um time da liga dos Estados Unidos. Mas não teve muita sorte, acabou se formando em direito e passou a defender pessoas que eram opositoras do governo de Cuba na época.

Nenhum comentário: