segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

O Natal está no ar


Árvores enfeitadas, iluminadas, música natalina, propagandas na TV. Papai Noel desfilando por aí. Promoções e mais promoções. Devedores contumazes. Gente que sai de casa, mesmo sem dinheiro, apenas para ver a banda passar. Farofeiros, pedintes e camelôs, à beira das calçadas, não faltam. E, nos centros urbanos, o perigo de assaltos aumenta. Tanta euforia! Na rotina das compras o vai e vem natalino fica intenso. E colorido com a alegria das crianças à espera de um brinquedo. No entanto, nem todos são agraciados. Na verdade, vivenciamos um mundo, sobretudo, materialista. Infelizmente, os que mais necessitam são os menos lembrados. Além de tudo, muitas vezes, pessoas que convivem no mesmo ambiente, e durante o ano todo mal respondem a um cumprimento, resolvem liderar pomposos encontros de Natal. Agora, fico a questionar o que comemoram? Estarão conscientes de que, ao evocarmos o Natal, jamais poderíamos nos esquecer do aniversariante nascido na manjedoura, o qual nos deixou uma mensagem de vida. E que essa mensagem só se concretiza na vivência do dia a dia? Estarão lembrando que humildade, amor, perdão e sabedoria foram alicerces do seu plano aqui na terra? Jesus Cristo pregou a paz, a verdade, a justiça social. Exaltou a vida. Abriu-nos possibilidades de vida eterna. E deixou-nos como herança, o seu exemplo e sua palavra. No entanto, muitas vezes, ao comemorarmos o Natal, nos distanciamos da essência da festa. Ficamos no Papai Noel, nos enfeites, na comida e nos presentes. Esquecemo-nos de que o Natal nos abre caminhos para cultivarmos a clareza de que Testemunha é aquele(a) que enaltece a vida de Jesus com sua própria vida. E cultiva a clareza de que assumiu a todos, como irmãos(ãs), sem distinção de raça, classe social. Na verdade, o Natal não é só uma recordação de algo que sucedeu na história! O Natal se renova a cada novo dia! Feliz Natal a todos! E que no Ano-Novo encontremos o caminho certo e que a paz e a fraternidade frutifiquem!



Maria Aparecida Lemos da Silva - Doutora em educação

Fonte: Diário Catarinense
Imagem: Internet

Nenhum comentário: