quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Brasil é um dos destinos favoritos de procurados da Interpol

O Brasil é um dos destinos favoritos de bandidos que estão na lista vermelha de procurados da Interpol. O principal motivo é o impedimento da prisão imediata de foragidos que integram o banco de dados da organização.

A lei brasileira determina que o criminoso estrangeiro localizado em território nacional só pode ser detido após decisão do Supremo Tribunal Federal.

A Argentina e o Uruguai já dispensaram a autorização judicial alegando que a inclusão do nome na lista já é motivo suficiente para a detenção.

De acordo com o superintendente da Polícia Federal em São Paulo, Leandro Coimbra, a dependência do Poder Judiciário dificulta a prisão de procurados neste caso. Um projeto de lei para permitir a detenção imediata destes criminosos está engavetado no Congresso Nacional.

Interpol tem cinco países a menos que a ONU

A Interpol é um organismo internacional de troca de informações criminais, que também atua na área humanitária, para identificação de cadáveres em tragédias. É da segunda maior entidade mundial, com 187 países filiados; 5 a menos do que a ONU.

O Brasil desembolsou 836 mil euros em 2009 para ter acesso ao sistema da organização.

Fonte: eBand

Nenhum comentário: