terça-feira, 27 de julho de 2010

IURD e IMPD são declaradas seitas pela IPB

E o espírito Protestante continua..

As resoluções do Supremo Concílio da IPB esse ano deram um passo muito importante rumo ao avivamento e evolução do cristianismo protestante brasileiro.

A IPB declara publicamente agora a Igreja Universal do Reino de Deus e a Igreja Mundial do Poder de Deus como seitas, determinando que pessoas oriundas destas organizações sejam
recebidas mediante rebatismo e profissão de fé.

Isso é uma decisão a ser comemorada por nós cristãos que ainda temos a Bíblia Sagrada como nossa regra de fé e prática, pois agora temos documentada numa denominação de referência do protestantismo brasileiro o nosso repúdio e nossa repulsa às doutrinas dessas seitas e também poderemos evoluir na recepção de pessoas oriundas dessas seitas, ensinando o verdadeiro Evangelho queé segundo as Escrituras e ministrando os sacramentos como mandam as Escrituras, não permitindo mais que práticas místicas que imitam nossos sacramentos, mas que, na verdade, são uma profanação dos mesmos, pois visam lucro financeiro e domínio sobre os membros dessas seitas e não a glória do Senhor Jesus.

Como membro de uma Igreja Batista filiada à Convenção Batista Brasileira (CBB), eu espero e oro para que a CBB siga também essa evolução que acontece na IPB e também declare nossa repulsa e reprovação cristã às práticas neo-pentecostais que são abominadas pelas Escrituras.
Deus abençoe.

Fontes:
http://go2.wordpress.com/?id=725X1342&site=thiagosurian.wordpress.com&url=http%3A%2F%2Fwww.ipgileade.org.br%2Fportal%2Findex.php%3Foption%3Dcom_content%26task%3Dview%26id%3D281%26Itemid%3D2&sref=http%3A%2F%2Fthiagosurian.wordpress.com%2F

Onde documenta:

- Algumas decisões da Segunda Sessão Ordinária

- Determinar que ao ministro da IPB não lhe será permitido exercer seu pastorado em denominações neo-pentecostais, conforme o Art. 43 da
CI/IPB, por contrariar o prescrito no Art. 33 dos Princípios de Liturgia da IPB.

- O SC/IPB – 2010 RESOLVE: 1) com base no Relatório da Comissão Especial (CE-2007), determinada pela Resolução SC/IPB – 2006-006, enquadrar a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) como seita; 2) com base na resolução do SC/IPB – 2006-006, que reafirma a posição do SC/IPB – 1998-117 e no relatório especial CE-2007, determinar que os membros oriundos da IURD deverão ser aceitos mediante batismo e profissão de fé.

- declarar como seita a Igreja Mundial do Poder de Deus (IMPD), em razão de suas práticas litúrgicas e doutrinárias, de acordo com a resolução SC/IPB – 2006-006,determinando que todos os membros da IMPD, ao serem recebidos pela IPB, o sejam mediante batismo e profissão de fé;

http://www.executivaipb.com.br/arquivos/IURD-2007.pdf
http://filosofiacalvinista.blogspot.com/2010/07/as-boas-noticias-do-supremo-concilio.html


Fonte: Thiago Surian

5 comentários:

Marco Alcantara disse...

Só faltou resolver a situação dos pastores maçons da IPB.

Ah sim eu sou da IPB.

Lutero disse...

Finalmente uma notícia boa. IURD e IMPD são sim verdadeiras seitas que usam da palavra de Deus para afundar seus fiéis em práticas mundanas como transformar Deus em um grande supermercado. Mas ainda falta muito. Outra que poderia seguir o mesmo caminho é a do apóstolo e da bispa Sônia. Verdadeiro câncer no cristianismo.
Espero que o verdadeiro protestantismo volte e que os ideais de uma fé verdadeira e sem apego ao dinheiro e falsos milagres vigorem em nossa pátria

HAMILTON SANTOS disse...

êta hipocrisia! TODO o cristianismo está todo esfestado por hipócritas, crentes de memória curta! É só estudar HISTÓRIA e qualquer um percebe que TODAS as igrejas cristãs já cometeram seus "pecados" graves contra o povo, a igreja católica principalmente.

Gladstonier disse...

A IPB já resolveu a questão da maçonaria, não são batizados membros que se declarem maçons e nem aceitos líderes maçons, (presbíteros, diáconos e pastores).. O SC jah tomou esta decisão.. antes a IPB jah aconselhava que seus membros não se ligassem à maçonaria e que os que o fossem deixassem de ser.. mas agora é proibido.. graça e paz!!

Gladstonier disse...

A IPB já resolveu a questão da maçonaria, não são batizados membros que se declarem maçons e nem aceitos líderes maçons, (presbíteros, diáconos e pastores).. O SC jah tomou esta decisão.. antes a IPB jah aconselhava que seus membros não se ligassem à maçonaria e que os que o fossem deixassem de ser.. mas agora é proibido.. graça e paz!!