sexta-feira, 14 de maio de 2010

Almodóvar e Vargas Llosa pedem democracia para Cuba

Almodóvar e Vargas Llosa pedem democracia para Cuba


Artistas e intelectuais, entre eles Pedro Almodóvar e Mario Vargas Llosa, pediram nesta quarta-feira, em Madri, apoio para os opositores cubanos que buscam transformar seu país numa democracia, e também pediram ao governo espanhol que revise sua política de aproximação com o regime cubano.

"Vamos ajudar o povo cubano para que alcance a democracia o quanto antes possível", pede o manifesto tornado público pela Plataforma de Espanhois pela Democratização de Cuba.

O grupo foi encarregado de apresentar um libelo de apoio aos democratas cubanos, explicando que esta iniciativa busca que "os dinossauros do regime cubano que estão aferrados ao poder se dem conta de que estão completamente obsoletos e que não têm nada a ver com o mundo de hoje".

A declaração foi lida por Vargas Llosa no Centro Internacional de Imprensa de Madri.

O governo socialista de José Luis Rodríguez Zapatero iniciou depois de sua chegada ao poder uma política de diálogo com Cuba e defende a supressão da chamada posição comum que a União Europeia (UE) mantém desde 1996 para pedir a democratização da ilha.

Os integrantes da plataforma abriram um site ( www.plataformaporcuba.com ) em que publicaram seu manifesto e o abriram à assinatura de todos que quiserem dar seu apoio aos democratas cubanos.

Fonte: AFP

Nenhum comentário: